SÍRIA: CONFIRMAM SEQUESTRO DE SACERDOTE POR RADICAIS ISLÂMICOS

ROMA, 18 Jul. 15 / 09:00 am (ACI).- O Arcebispo greco-melquita, Dom Nicolas Antiba, informou que o Pe. Antoine Boutros e seu colaborador Said Al-Abdun foram sequestrados no último domingo por grupos rebeldes islâmicos quando se dirigiam da cidade de Shahba à Sama Hinadat (no sul da Síria) para celebrar Missa.

“Posso confirmar que Padre Antoine Boutros e seu colaborador Said Al-Abdun, desaparecidos no último domingo, foram realmente detidos e sequestrados por um dos tantos grupos armados rebeldes que circulam pela região. Desde o momento do desaparecimento não tivemos mais notícias deles, nem chegaram exigências por parte dos sequestradores”, informou ontem o Arcebispo à agência vaticana Fides.

Sendo de rito católico oriental, no qual são admitidos ao sacerdócio homens casados, Pe. Boutros tem 50 anos de idade, é casado e pai de uma filha, é pároco da Igreja de São Felipe Apóstolo, localizada em Shahba (80 quilômetros ao sul da capital Damasco). O sacerdote greco-melquita é conhecido também pelas iniciativas caritativas e humanitárias desenvolvidas na província síria de Suwayda e por ter contribuído para manter uma relativa paz civil, mediando pessoalmente entre os grupos em luta nesta região.

Este sequestro se soma ao do sacerdote Jacques Mourad, Prior do Mosteiro de Mar Elian, raptado em Qaryatayn (Síria central), aproximadamente cem quilômetros ao sudoeste de Palmira, cidade que desde maio deste ano está nas mãos do Estado Islâmico (ISIS).

Do mesmo modo, no dia 4 de julho, na aldeia síria de Yacoubieh, foi sequestrado o Pe. Dhiya Azziz, franciscano da Custódia de Terra Santa. Seis dias depois o sacerdote foi liberado.


Fonte: http://www.acidigital.com/noticias/siria-confirmam-sequestro-de-sacerdote-por-radicais-islamicos-24092/